Atendimento

CONTO ERÓTICO

imagem conto

No supermercado

   Olá a todos! Não pensei que tantos fossem ler o que escrevi e responder incentivando-me a contar mais. Numa dessas sextas passei lá novamente, o movimento estava fraco. Fiquei lá esperando alguém interessante para me chupar ou bater uma para mim e não aparecia ninguém.

 

   Foi quando entrou um cara moreno de uns 40 anos, simpático, parou ao meu lado do mictório, urinou, olhou pro meu pau semiereto e começou a se masturbar. Não quis pegar em meu pau e fez sinal pra eu ver o pau dele. Estiquei o pescoço e vi que o cara tinha um pau grande e grosso, bem grosso.

 

   Fiquei surpreso e excitado, não pego em pau de ninguém assim, mas daquele cara quis sentir o pau dele em minha mão e comecei a masturbá-lo, minha mão que é grande, teve dificuldade em fechar para masturbá-lo. Bem ele gozou, piscou pra mim e foi embora. Nisso um cara que assistia a tudo do outro lado se aproximou e fez sinal que queria me chupar, mas não ali, pois nessa hora o local já estava bem movimentado e ele não queria se expor.

 

   Pediu então pra eu segui-lo. Saímos do mercado, conversamos no estacionamento e fiz uma loucura, aceitei ir de carro algumas ruas acima com ele. Ele dirigia como uma mão e com a outra me masturbava, chegamos a uma rua deserta e ele me chupou muito, com muita sede que gozei logo em sua boca. Ele cuspiu a porra e continuou a me chupar até que meu pau ficasse duro de novo.

 

   Fez com que eu gozasse depois de 20 minutos novamente sem parar de me chupar. O cara realmente estava sedento por um pau gostoso e modéstia a parte, o meu é bem gostoso. Ele me levou de volta ao mercado onde nos despedimos. Entrei no meu carro e fui embora.

Torne-se um membro e comente
rodape fixo Hotboys