Atendimento

CONTO ERÓTICO

imagem conto

Gasolina do teso

   Já escrevi muitos contos aqui! Sou branco, cabelos e olhos castanhos, meio calvo, 1 78m, 98kg (gordinho,não obeso), peludo, coxas grossas, 44 anos (típico urso!), moro em Ribeirão Preto. 

   Estava indo para casa ontem depois de um dia excessivamente quente quando percebi que precisava abastecer meu carro! Pensei em deixar para fazê-lo no dia seguinte quando saísse cedo para trabalhar, mas para sorte minha aproveitei que tinha um posto bem no caminho. 

   Serei sincero com vocês: quando vi o frentista que iria me atender, moreno, corpo malhadinho, média 30 anos, com uma educação de tirar o chapéu, fiz o propósito de virar cliente daquele posto. 

   Para surpresa minha, enquanto abastecia, o frentista notou um preguinho num dos pneus que bem devagar esvaziava. Confessei a ele que não conseguia trocar bem um pneu. Ele me disse que tinha já terminado seu turno e que com gosto faria o trabalho para mim! Perguntei se não iria atrapalhar e ele me disse que relaxasse já que tinha terminado o turno e estava já de folga. 

   Quando ele terminou perguntei se ele não precisava de uma carona. Ele me agradeceu, disse que iria tomar uma cerveja antes de ir para casa. Perguntei se ele não queria tomar a cerveja na minha casa. Para surpresa minha, ele aceitou de primeira! 

   Como ele usava aqueles macacões grossos de trabalho (apesar de desabotoado displicentemente da cintura para cima), perguntei a ele se não estava com calor. Como dissesse que sim, disse que quando chegássemos ele casa ele poderia tomar um banho antes da cerveja gelada! 

   Chegando em casa levei-o ao meu quarto, mostrei o banheiro e abri o armário para pegar uma toalha limpa para ele! Quando ainda estava com a toalha nas mãos, percebo que ele tinha já tirado o macacão e, para surpresa minha(ele confessou depois que não usava realmente) estava sem cueca. 

   Nessa hora ele me pergunta se com um calor desses eu perderia a oportunidade de um banho com ele! Do nada foi desabotoando minha camisa,calça e quando percebi estava completamente nu na frente dele. Não dava para disfarçar mais nada, nossos paus estavam duros e começamos um alucinante beijo de língua bem molhado e cheio de saliva. 

   Com muita volúpia, nos jogamos na cama e começamos a roçar nossos corpos um no outro. Enquanto ele me beijava foi me posicionando de franguinho e quando senti estava totalmente em mim, me sentia todo preenchido com o pau dele no meu cuzinho! Adoro o barulhinho das bolas batendo com força na bunda. 

   Com o calor, nossos corpos suados foram deslizando e se encaixando um no outro; sentia agora meu frentista todinho em mim e me contorcia todo com o pau dele pulsando lá no fundo do meu cuzinho peludo! 

   Gozamos juntos e alucinadamente! Depois disso, descansamos um bom tempo. Foram inúmeros beijos e carinhos depois do êxtase. Fomos em seguida tomar banho! Se quiserem saber como foi esse banho, adianto que o sabonete caiu no chão inúmeras vezes.

 

Torne-se um membro e comente
rodape fixo Hotboys