Atendimento

CONTO ERÓTICO

imagem conto

Meus amigos me comeram

Olá, Moro em São Paulo, Tenho 35 anos e sou casado, Hoje eu levo uma vida Heterosexual normal, mas o que quero contar, é que nem sempre foi assim. No meu ultimo Conto "Meu amigo me comeu ", falo sobre o dia em que o Marcos e o Mauricio me comeram ao mesmo tempo, e nesse conto direi aos leitores como o Renato (um cara que eu não conhecia) tambem comeu minha BUNDA.
Era uma tarde e estavamos empinando Pipa. Estava com um amigo(que não sabia que eu gostava de ROLA) e seu irmão(este eu não conhecia). Seu nome era Renato, tinha 23 anos e tinha a fama de malando no bairro.Ele puxava conversa comigo o tempo todo, procurando me agradar, teve até um momento em que o irmão dele começou a caçoar comigo e imediatamente ele interveio e torcendo o braço do irmão ,o fez pedir desculpas para mim. Ficamos ali pratixcamente a tarde toda. Meu amigo disse que ia embora e me chamou, então o Renato, me abraçando, disse que eu iria ficar mais um pouco. Confirmei que iria ficar e meu amigo foi embora. Ficamos ali conversando, sentados um ao lado do outro, ele me falava das namoradas que havia comido, apalpava o PAU e dizia que estava louco pra comer uma Putinha. Eu olhava para ele, meio sem graça e apenas ria. Até que num momento ele tirou o PAU pra fora do shorts e vangloriando-se, dizia que PAU que nem o dele nenhuma mulher iria encontrar. Me olhou e perguntou o que eu achava. Fiquei com medo de alguem ver o que ele estava fazendo e pedi para ele guardar, ele Insistiu e disse que guardaria depois que eu dissesse o que tinha achado do PAU dele. Olhei para o PAU dele rapidamente e disse ele tinha um PAU muito bonito. Ele sorriu e guardou, fiquei aliviado, mas morrendo de vontade de sentar naquela ROLA.
Quando começou a escurecer, ele me chamou para dar uma volta, perguntei aonde iriamos, ele inventou uma desculpa qualquer e disse para eu ficar tranquilo, pois ele não deixaria nada de mal acontecer comigo. Aceitei e começamos a andar, entramos em uma rua onde havia um terreno baldio e cheio de mato e arvores, Quando estavamos na frente do terreno, ele parou e disse que ia mijar, me chamou e entramos no terreno baldio, ele foi até o fundo do terreno, eu o acompanhei e chegando no fundo, observei que tinha um colchão de casal e uns trapos pelo chão. Fiquei com medo, ele percebeu e disse para ficar tranquilo, pois ali era onde ele levava as namoradas.    Então ele tirou o PAU pra fora, me olhou e disse que não tava com vontade de mijar, olhei para o PAU dele, que ja estava meio duro. Ele perguntou novamente se eu achava o PAU dele bonito, olhei para ele e perguntei o que ele queria. Ele aproximou-se e apalpou minha BUNDA. me virou de costas pra ele, encaixou o PAU na minha BUNDA e disse que não era ele que queria e sim eu. Fiquei todo arrepiado e morrendo de vontade de DAR a BUNDA para ele. Era isso que eu queria mesmo. Entõa ele me levou em direção do colchão , me fez ajoelhar, e enfiou o PAU sem dó na minha Boca, Mamei a rola dele como ele queria, chupava e punhetava com vontade. Sentia seu PAU pulsando em minha mão,quente e cada vez mais grande e grosso. 
-CHUPA meu PAU , VIADINHO. era o que eu ouvia e adorava. Estava gostoso e mostrava cada vez mais o que era capaz de fazer. Ele adorava, e dizia que eu tinha experiencia, perguntava se eu ja havia feito isso antes, eu balançava a cabeça negativamente(ah se ele soubesse). Ele gemia e dizia que sabia que eu era um VIADO. Lambia o saco e subia lambendo todo o PAU até chegar na CABEÇA, ai eu Abocanhava e a Chupava, até que ele segurou a minha cabeça fazendo com que eu engolisse todo o PAU dele, me fazia até engasgar. Posso dizer que fiz uma bela CHUPETA pra ele. Ele aprovou, dizia que eu sabia mesmo o que fazer com um PAU. 
Ele mandou eu abaixar o Shorts, obedeci, ele me abraçou e começou a apalpar, minha BUNDA, molhava o dedo com sua saliva e enfiava no meu CU, então ele me colocou de 4 no colchão, abriu as minhas pernas, e começou a CHUPAR deliciosamente o meu CU, ele enfiava a lingua, era demais, eu queria gritar de tesão , meu corpo estava mole, que sensação deliciosa, ele deixou meu CU bem lubrificado.
- É agora VIADINHO, você vai sentir o que é um PAU de verdade. Encostou a CABEÇA e começou a enfiar, gemi, dei uma reboladinha e comecei a sentir seu PAU entrando avassaladoramente, meu CU não seria mais o mesmo depois daquela dia Ele ja estava me COMENDO a todo vapor. Arrebitei a minha BUNDA e gemia.
ele estocava cada vez mais forte, sabia que não demoraria muito para ele,gozar, e sabia tamebm que era pra ser rapido,pois estavmos num local que podia chegar alguem e não demorou muito para ele sussurrar no meu ouvido.
-Ajoelha, PUTINHA, que eu vou encher a tua boca de PORRA. E lá estava eu, ajoelhado, com a boca aberta, vendo ele se masturbar, apontando a CABEÇA do PAU na direção da minha Boca. Ele começou a GOZAR, foi enchendo a minha boca com a sua PORRA. Fechei a boca e Engoli, Abri e mostrei pra ele que não havia sobrado nada, ele sorriu , passei a lingua nos meus labios para mostrar que tinha gostado. Ele enfiou novamente o PAU na minha BOCA e eu fiquei CHUPANDO mais um pouco. deixei o PAU dele bem limpinho. Ele agradeceu e disse que meu Cu era delicioso. Apenas retribui dizendo que era o PAU dele que fazia meu Cu ser delicioso. Nos levantamos e fomos embora. Posso dizer que foi uma sensação diferente, pois tinha que ser rapido, pelo local, e a maneira que ele me Comeu, direta , sem rodeio, foi gostoso.

Torne-se um membro e comente